Vamos falar de Bronquiolite

Você já ouviu falar em bronquiolite? Sabe diferenciar bronquiolite de um resfriado comum? Pois bem, bronquiolite é uma infecção sazonal comum em bebês, seus sintomas costumam ser similares ao resfriado comum, com inchaço e um acúmulo de muco nos bronquíolos. Às vezes os sintomas desaparecem em alguns dias, mas pode haver a necessidade de um auxílio médico.

A doença aparece quando os bronquíolos sofrem um quadro inflamatório, causado por um vírus e que difículta muito a respiração. É muito comum em crianças até 2 anos e atinge mais facilmente crianças de 0 a 6 meses.
UMA FOTO DE UM BEBE COM BRONQUIOLITE

Sabia que existem 2 tipos de bronquiolite? A viral, causado por vírus no trato respiratório inferior, essa é a que atinge crianças menores de 2 anos e a obliterante que atinge adultos e é mais grave, causada por cicatrizes nos bronquíolos, e não pela presença de muco como é o caso da viral.

Vírus sincicial respiratório (VSR)
Esse é o maior causador da bronquiolite, o vírus é abundante no mundo todo e é o responsável por diversos resfriados comuns.

Adenovírus
Trata-se de um vírus que acomete as membranas mucosas, responsável por cerca de 10% das infecções respiratórias em crianças.

Outros vírus
A bronquiolite pode ser causada, também, por outros vírus comuns, como o rinovírus, metapneumovírus (MVP), influenza, parainfluenza, enterovírus e bocavirus.

Bronquiolite é contagiosa?
A bronquiolite é transmitida junto com os resfriados comuns, uma vez que é causada pelo mesmo vírus. O contágio se dá principalmente pelo contato com as mucosas e gotículas de saliva.

Os sintomas são idênticos ao do resfriado comum: nariz entupido, espirro, tosse, pode haver febre baixa.
Com o decorrer dos dias, a criança pode passar a apresentar:
  • Respiração rápida e superficial;
  • Intensificação dos sintomas do resfriado;
  • Irritabilidade e cansaço;
  • Diminuição do apetite;
  • Dificuldade para adormecer.
Caso seja necessário um médico poderá recomendar os remédios na dose necessária. Esse post tem o caráter de informar sobre a doença, sabe-se que é muito mais complexo. Na dúvida sempre procure orientação médica.
Não dê medicamentos para seu filho sim ordem médica. 

Fonte: Minuto Saudável

Publicado por: Jaqueline Bernardo Costa
Chegou até aqui, deixe seu comentário!

LOGOTIPO DO BLOG MAOS MEU MENINO MINHA VIDA

Um comentário: