Cuidados ANTES da amamentação

Será que é necessário algum cuidado especial antes de começar a amamentar? Há algo que possa ser feito? Muitas mamães tem essa duvida, mas o que realmente deve ser feito, bom esse texto vai mostrar os cuidados antes da amamentação.
cuidados para se ter antes da amamentacao

Todo cuidado durante o período da amamentação é muito bem-vindo para garantia de conforto para a mamãe e o bebê. Durante a amamentação aprendemos muito. É um momento de extrema conexão entre a mãe e o bebê. Mas também é um período de grandes desafios. Não há especificamente nenhum cuidado que possa ser feito em relação as mamas antes de se começar a amamentação. Mas isso não quer dizer que a mãe não deva se informar de tudo o que pode acontecer nessa fase e o que pode ser feito para resolver os possíveis problemas futuros. 

Aqui vai umas dicas que visam facilitar um pouco a vida da mamãe nesse período tão importante:

Procure uma posição confortável e um ambiente tranquilo: este é um dos primeiros passos para garantir o sucesso da amamentação. Barulho e muita movimentação podem atrapalhar a mãe e bebê no início do aleitamento materno. A mãe precisa de um ambiente relaxante e calmo para se sentir bem na amamentação. Pense: o silencio é uma oportunidade de a mãe conseguir também o merecido descanso, a rotina com um bebê pequeno é exaustiva, a mãe precisa de todo e qualquer momento para poder relaxar. Faça da amamentação esse período.  

Encontre a pega correta: A pega correta faz a diferença para o bebê e para a mamãe! A pega correta garante conforto para a mamãe, evitando desconforto e eventuais machucados nas mamas, a pega incorreta é uma grande vilã até mesmo na produção de leite! Pelo fato do bebê não sugar corretamente, não há uma produção de leite adequada, o bebê fica nervoso e a mãe frustrada é um grande círculo vicioso! Pega correta para um bebê é alimento, conforto e segurança. Caso você tenha produção de leite em excesso, você pode ordenhar manualmente um pouco, para melhorar o fluxo, mas saiba que é normal no começo da amamentação ter picos de hiperlactação, até que a produção se estabilize para apenas o necessário para o bebê. Veja aqui algumas dicas para aumentar a produção de leite.


imagem da pega correta na hora de amamentar
Aqui vemos a pega correta, a boca do bebê deve cobrir grande parte da aureola

Reposicione o bebê caso sinta dor durante a amamentação: enquanto amamenta, a mãe pode sentir um desconforto inicial – que desaparece após algumas sucções –, já que os seios são uma região muito sensível para a maioria das mulheres. Caso a dor persista durante a mamada, retire o bebê do seio e reposicione-o na mesma mama ou na outra, caso seja mais confortável. Há posições que você pode tentar até encontrar a posição que te deixe mais confortável. A amamentação deitada para mim foi a melhor posição, eu conseguia a pega correta e podia descansar um pouco, ao contrário do que dizem, pode-se sim amamentar deitada. Basta que se tome algumas precauções, como a de dormir e acabar rolando para cima do bebê, eu citei isso pois era o meu maior medo, até hoje a amamentação deitada é a melhor posição para mim. E no quesito dor na amamentação, inverter a posição foi o que me salvou.
posicoes que facilitam a amamentacao
Exemplos de outros tipos de posição para amamentar

Higienização as mamas: quanto a higiene dos seios, dois banhos por dia e manter o sutiã seco são suficientes. Não use produtos nos seios, o próprio seio cuida de si, graças aos Tubérculos de Montgomery que são glândulas sebáceas localizadas na aréola e em torno do mamilo. Estas glândulas produzem secreções sebáceas que mantém a aréola e o mamilo lubricado e protegido. Caso precise passar algo para aliviar o incomodo, pode-se passar o próprio leite.

alternativas ao uso de conchas de amamentacao
Como fazer o rolinho de fraldas para usar como protetor de seio
Cuidado com as fissuras: para evitar fissuras, atenção à pega correta! Nos casos em que a rachadura já tenha ocorrido ou esteja muito profunda, a indicação é massagear as mamas e drenar manualmente o leite. Como já mencionado, passar o próprio leite ajuda muito no tratamento de feridas e você pode passar quantas vezes achar necessário. Evite usar conchas que abafem os ferimentos, opte por algo respirável como rosquinha de fralda.


Lembre-se, a amamentação é um processo que exige muita dedicação, auxilio e orientação. O resultado é um prazer imensurável em conseguir oferecer o melhor alimento ao bebê e continuar o vínculo, a construção e o desenvolvimento de um amor incondicional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário