O que você sabe sobre a Leishmaniose Canina?

Ué um blog desses tratando de doença de doguíneos? Sim! Somos um blog pet friendly o que quer dizer que se é de estimação nos interessa, tanto que possuo animais de estimação sei da importância deles para as crianças, viu só tem tudo a ver com esse blog.
o que voce sabe sobre a leishmaniose canina

Então esse tema é importante, a Leishmaniose é coisa séria. O que é a leishmaniose canina? Bom para início de tudo saiba que é uma doença que atinge tanto o cão quanto nós os humanos! É causada um parasita denominado Leishmania infantum que se localiza, sobretudo, na medula óssea, nos gânglios linfáticos, no baço, no fígado e na pele. O cão tadinho, é o principal hospedeiro e hospedeiro reservatório. Outros animais como os gatos, as raposas e os roedores podem, igualmente, ser afetados.

Mas então, como que se pega isso?

mosquito transmissor da leishmaniose

A transmissão é feita pela picada de insetos flebótomos fêmeas das espécies Phlebotomus perniciosus e P. ariasi (palavra difícil né não?). Estes pequenos insetos de cor amarela clara vivem nos refúgios de animais, habitações, caixotes de lixo, jardins, matas, etc. e alimentam-se, em maior incidência, ao final do dia.

Ela não é unicamente transmitida pelo inseto apesar de a maioria do contágio ser assim, sabe-se que pode ser transmitida pela transfusão sanguínea, contato direto, transmissão venérea e transmissão mãe-filho.

Os sintomas mais frequentes são o aumento dos gânglios linfáticos, crescimento exagerado das unhas, perda de pelo, úlceras e descamação da pele, emagrecimento, atrofia muscular, sangramento nasal, anemia, alterações dos rins, fígado e articulações, entre outros.

Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico é essencialmente clínico e confirmado por análises laboratoriais, devem ser efetuadas análises de sangue e de urina para avaliar o estado geral do animal.   


tratamento da leishmaniose deve ser feita com um profissional

 Mas agora meu cão tem Leishmaniose, o que devo fazer?

Cumpra exatamente como o veterinário indicou o tratamento, use inseticidas com efeito repelente em forma de coleiras, pulverização ou spot-on, assim você mantem (ou tenta manter) os mosquitos longe!

Posso contrair leishmaniose ao contactar com o meu cão?

O parasita é fundamentalmente transmitido pela picada do inseto flebótomo. O risco de contrair leishmaniose é pequeno nos humanos imunocompetentes. A leishmaniose humana ocorre, principalmente, nas populações mais pobres em áreas rurais e suburbanas ou em indivíduos imune eficientes (VIH/SIDA, por exemplo).



Nenhum comentário:

Postar um comentário